DIOCESE CELEBRA A DÉCIMA ASSEMBLEIA DIOCESANA DE PASTORAL, TEMPO DE GRAÇA.

Nos dias 24 e 25 de novembro de 2018 aconteceu na sede da Diocese de Araçuaí a Décima Assembleia Diocesana de Pastoral com o tema: “Igreja de Araçuaí: em busca da Conversão Pastoral para ser Casa de iniciação à Vida Cristã. Foi o tempo da Graça para todo o povo de Deus que pertence a Diocese de Araçuaí. Tudo foi realizado em plena comunhão com a Trindade Santa  e sob a intercessão amorosa de Nossa Senhora da Lapa, nossa Mãe e Padroeira.  Durante todo o processo em preparação para a assembleia e  na realização propriamente dita, esteve presente Dom Marcello Romano, bispo diocesano. Foram muitas as falas motivadoras e proféticas do bispo, faz-se necessário a citação da seguinte exortação: “A Ternura e a Misericórdia de Deus para com seu povo, nos oferece uma alternativa de conversão pessoal;  é preciso confiar na força do Espírito Santo e considerar a décima assembleia como um Pentecostes”.

Este momento profundo de graça e de paz teve diretamente a contribuição do padre Éderson, coordenador de pastoral que incentivou e esteve à frente deste “Pentecostes” para a nossa diocese. O padre José Paulino, foi o sacerdote convidado a assessorar a assembleia e fazer os devidos encaminhamentos e orientações ao povo presente. Aos anfitriões que receberam a assembleia, desejamos bênçãos dos céus, tudo esteve conforme a vontade de Deus e a graça da disponibilidade de vocês. Tudo ocorreu dentro da perfeita gratuidade de Deus, que desde sempre faz-se “necessitado” para que de nós Ele possa precisar. A assembleia, talvez, não tivesse a grandiosidade que teve caso não houvesse a participação assídua dos LEIGOS E LEIGAS que se curvam cotidianamente para servir à Igreja, entrelaçados à corriqueira vida de obrigações familiares.

Dos muitos momentos fortes da assembleia, sem sombra de dúvida, dois podem ser destacados com grande maestria, são eles: os momentos em grupos onde aconteciam os diálogos entre clero, leigos e religiosos, e nesses diálogos todos recordam que a grandeza maior é a unção recebida no batismo, somos irmãos do mesmo Salvador, não há grau e nem hierarquia na dimensão amor e graça.  O segundo e destacável momento é a “Fila do Povo”, neste momento os anseios de uma Igreja em Saída ganhou espaço, o povo fala dos seus anseios e desejam ser ouvidos pelos seus pastores, também o clero e os religiosos falam e desejam ser entendidos pelos  orientandos.

Foram diversas as decisões tomadas com o apoio quase que unânimes do povo de Deus presente. Sabemos que a assembleia não terminou no dia 25 de novembro, na verdade ela ganhou força para que se possa estabelecer um trabalho comum entre o povo que busca na mesma fé a graça de ser Igreja reunida e unida.

Durante a assembleia os eixos discutidos tiveram as seguintes temáticas: PALAVRA, LITURGIA E CARIDADE. Não nos deteremos a falar sobre esses eixos nesta síntese comunicativa, para tal, “logo” teremos a apresentação da ata e do material aprovado nesta Décima Assembleia Diocesana de Pastoral.   Muitas outras maravilhas Deus concedeu à Diocese e ao seu pastor Dom Marcello Romano, a quem rendemos agradecimentos pela iniciativa em propor, incentivar e acolher a Décima Assembleia de Pastoral, ao nosso Bispo: graça e paz! Que o nosso coração enquanto coração de rebanho possa se juntar ao coração de Dom Marcello e fazer com que em toda Igreja particular de Araçuaí o “Amor”, de fato, possa “ser Amado” por meio do nosso testemunho orante e prático.

Para cunho de conhecimento de todos, seguem os nomes que compõem a equipe de assembleia, equipe que irá transformar em subsídios tudo o que foi decidido e rezado pelo clero, leigos, leigas, religiosas e religiosos que formam a família Diocese de Araçuaí.  São eles: Bernadete, Caio, Dom Marcello, Dulce, Irmã Isabel,  Pe. Éderson, Pe. Isnaldo, Pe. José Paulino, Pe. José Willian e Viviane.

Que a graça de Deus continue nos guiando neste longo caminho de amor e oração.

 

 Seminarista Roberto de Santa Teresa de Calcutá

One Reply to “DIOCESE CELEBRA A DÉCIMA ASSEMBLEIA DIOCESANA DE PASTORAL, TEMPO DE GRAÇA.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *